PSC realiza encontro com lideranças políticas do Pará

. O encontro contou com a presença do presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo Pereira, do ex-ministro, Hélder Barbalho, da deputada federal, Júlia Marinho, do vereador, José Dinelly, do deputado estadual e de várias outras autoridades políticas.

Publicado: sexta-feira , 20 de julho 2018 11:17

Na noite da quarta-feira, 18, o presidente estadual do PSC e pré-candidato ao Senado Federal, Zequinha Marinho, dirigiu o Encontro Regional da sigla, realizado na Câmara Municipal de Belém. O evento teve como objetivo principal fortalecer as bases e anunciar as diretrizes que serão tomadas pela legenda nas próximas eleições de 2018 no Estado. O encontro contou com a presença do presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo Pereira, do ex-ministro, Hélder Barbalho, da deputada federal, Júlia Marinho, do vereador, José Dinelly, do deputado estadual, Dr. Jaques Neves, do prefeito de Bom Jesus de Tocantins, Joãozinho Rocha, da vice-prefeita de Rondon do Pará, Joelminha Costa, e de várias outras autoridades políticas.

Durante a reunião, onde foram debatidas estratégias para o próximo pleito eleitoral, mais de 500 pessoas estiveram presentes, entre lideranças comunitárias e religiosas, filiados, pré-candidatos, amigos, simpatizantes, dirigentes e militantes do PSC. Diversos líderes da legenda representantes de municípios como Novo Repartimento, Tucuruí, Tailândia, Moju, Canaã dos Carajás, Parauapebas, Itaituba, Tracuateua, Bragança, Tomé-Açu, Limoeiro do Ajuru, São Sebastião da Boa Vista, Bom Jesus do Tocantins, Marabá, Breves, Barcarena e Mãe do Rio lotaram as dependências do plenário “Lameira Bittencourt” da Câmara Municipal de Belém.

O ponto alto da noite foi o anúncio do apoio do MDB à pré-candidatura de Zequinha Marinho ao Senado Federal. Para o pré-candidato a Governador, Hélder Barbalho, o caráter, comprometimento e trabalho de Zequinha, justificam seu apoio neste momento de disputa eleitoral. “Hoje é um momento muito especial dessa caminhada, temos a oportunidade de selar uma aliança, que compreendo ser extremamente importante para aquilo que nós desejamos ao nosso Estado. Neste momento, nós colocamos a disposição da sociedade paraense, Zequinha Marinho como pré-candidato a Senado da República, e tenho certeza e convicção que a população terá a oportunidade de fazer a melhor escolha para o bem do nosso Estado”, afirmou.

Em sua fala, Zequinha Marinho agradeceu a presença de todos e explicou sobre os diversos motivos que levaram o partido a apoiar a pré-candidatura do ex-ministro, Hélder Barbalho – apresentada no evento pela sigla. “Essa questão de mudança, de encarar novas situações, do enfretamento político, poucos tem coragem de fazer. A grande maioria prefere optar por negociar, aceitar e engolir. Porque mudar, avançar, traçar novos caminhos e fazer história não é fácil. Esse é o primeiro grande teste do PSC, chegou o momento de fazer uma nova história no Estado do Pará. Até então, nós resolvemos seguir pelo caminho mais fácil e mais tranqüilo. E, chegou a hora de encarar os desafios e avançar em nossa trajetória; a ocasião nos permite pensar em um Estado que precisa ser revitalizado. Se quiséssemos defender apenas o nosso interesse, certamente teríamos aceitado propostas muito boas que vieram nesse momento. Mas, o PSC sobreviveu à luta, às dificuldades e à escassez. Eu disse: Nós não vamos enfraquecer, vamos sobreviver. E agora estamos mais vivos do que nunca”, ressaltou.

Zequinha afirmou ainda, que se sente otimista quanto aos resultados que o PSC deverá apresentar nesta eleição de 2018 em todo o Estado. “Eu não sou do tamanho que eu sou, eu sou do tamanho que eu enxergo. E enxergo um novo futuro para este Estado, que atualmente passa por transformações estruturantes nas suas gestões políticas. Acima de tudo, passa pela coragem daqueles que fazem política. Estamos confiantes, e tenho certeza que sairemos vencedores e muito mais fortes. Nada contra ninguém, mas tudo a favor do nosso Estado”, finalizou.

A deputada federal, Júlia Marinho falou sobre as expectativas para as eleições deste ano. “Há quatro anos, nós tivemos que, por livre e espontânea pressão, aceitar o desafio de uma candidatura a deputada federal, apesar de saber que era um combate enorme para alguém que nunca tinha sido candidata a nada. E eu pensei: se for pra somar, contribuir ainda mais nós vamos persistir na disputa. Em instante algum eu bati de frente com ninguém, sempre trabalhei de cabeça erguida da forma mais correta possível, e Deus nos deu a vitória, graças ao apoio, colaboração e participação de todos que acreditaram neste projeto. E agora iremos continuar ainda mais, nos doando por esse novo desafio que hoje começa, com muito mais esperança e muito mais certeza de que estamos no caminho certo”, disse.

Já para o presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo Pereira, o momento é de reconstruir. “Tenho a convicção que a história vai se modificando, e assim apresentando novas lideranças. Temos a certeza que Zequinha Marinho irá fazer a diferença e vai representar muito bem o Pará no senado federal, não somente o Estado, como todo o Brasil”, afirmou.

Este ano, o PSC apresentará na convenção partidária uma chapa de 6 pré-candidatos a deputados federais, 62 pré-candidatos a deputados estaduais, e 1 pré-candidato a senado federal.

Fonte: Ascom Zequinha Marinho

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC