Nicolle Barbosa: liderança feminina no Nordeste

Publicado: quinta-feira , 08 de março 2018 14:39

Uma mulher atitude. Na presidência do PSC do Ceará e da Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), Nicolle Barbosa também é pré-candidata a deputada federal.  Com uma carreira de respeito, ela estudou Direito e Administração de Empresas. Foi líder empresarial, diretora e presidente do Sindicato das Indústrias Gráficas do Ceará (Sindigráfica) e diretora e presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC). Além de tudo isso também presidiu a Associação Brasileira da Indústria Gráfica no Ceará (Abigraf/CE) e antes de assumir a Adece, foi secretária de Desenvolvimento Econômico do Ceará.

No Dia Internacional da Mulher, Nicolle Barbosa falou com a gente sobre seus sonhos, carreira e como vê a inserção das mulheres na política. Confira abaixo a entrevista:

PSC – Como você vê a inserção da mulher na política?

Nicolle Barbosa – Não é porque conquistamos o direito de votar que devemos nos dar por satisfeitas. As mulheres ainda não possuem representação proporcional na política. Até hoje, o Brasil elegeu apenas uma figura feminina para representar a república. Na Câmara dos Deputados, por exemplo, temos menos de 10% dos cargos ocupados por mulheres. Aceitei o desafio de presidir um partido no estado para mostrar a força da mulher na política. Encaro o papel com muito orgulho e, para ser sincera, não me abalo com os obstáculos enfrentados por mim em um universo tão masculino. Minha força está no meu trabalho e nos resultados alcançados por mim, em parceria com minha equipe. Isso independe de gênero, somente do nosso esforço.

 

PSC –  Fale um pouco sobre o trabalho da Adece?

Nicolle Barbosa – Me sinto honrada não somente por estar à frente da Agência de Desenvolvimento, mas também por ser a primeira presidente mulher a ocupar o posto. Lutar pelo desenvolvimento do Ceará é um trabalho que venho desempenhando há décadas e hoje estou muito feliz por exercer esse papel na esfera estadual. Na Adece, conseguimos proporcionar emprego, renda e dignidade para a população cearense. Com muita garra, conseguimos atrair novas indústrias e expandir outras já existentes. Em um período de crise econômica vivenciada pelo nosso País, isso é uma conquista e tanto. Hoje comemoramos um início de ano com o melhor saldo de empregos para os meses de janeiro desde 2003, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

 

PSC –  Este ano você tentará eleição para o Congresso. Como acredita que irá ajudar o país?

Nicolle Barbosa – Meu maior sonho é levar o Integra Brasil para frente. Trata-se de um projeto desenvolvido por mim ainda como presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC) cujo objetivo maior é reduzir as desigualdades regionais por meio da integração econômica com a expansão e fortalecimento do mercado interno. Precisamos mostrar ao Brasil todo o potencial de desenvolvimento existente no Nordeste e como o País pode crescer a partir dessa região tão rica. Estou muito disposta a ter esse projeto sendo trabalhado por toda a bancada federal do Nordeste.

 

Nicolle Barbosa – Hoje comemoramos o Dia Internacional da Mulher. Deixe um recado para as mulheres do nosso país.

PSC –  Meu desejo, hoje e todos os dias, é por um mundo com debates e reflexões sobre o papel da mulher na sociedade não somente no mês de março, mas todos os dias. Muito foi conquistado, no entanto, ainda existem obstáculos a serem ultrapassados. Para nós, mulheres, sonho com um futuro de respeito e reconhecimento proporcionais aos nossos valores. Que a força e a garra da maternidade sejam tão persistentes quanto as desempenhadas no trabalho, grande fator a dar origem ao Dia Internacional da Mulher. Seja no campo da violência, nas oportunidades de emprego ou mesmo na representatividade política, as estatísticas precisam ser modificadas. Nossa história é de injustiças e desigualdades, mas nem por isso somos privadas de finais felizes. Sendo assim, continuemos na luta pelo “felizes para sempre”!

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC