Ação que questiona reserva de vagas para mulheres é de ex-presidente do partido

Publicado: sexta-feira , 06 de julho 2018 19:22

O PSC (Partido Social Cristão) reafirma que defende a legislação em vigor, que cria mecanismo para assegurar a maior presença de mulheres na política. O PSC vai entrar com pedido para suspender no STF (Supremo Tribunal Federal) a tramitação da ação que questiona a reserva de 30% das vagas dos partidos para candidatas mulheres. Por fim, o PSC esclarece que a ação foi movida no STF pelo ex-presidente que comandou o partido até julho de 2015.

PSC nas redes sociais

PSC
  Youtube
  Instagram

Cadastre-se e Acompanhe o dia a dia do PSC